Tratamentos Capilares

A queda exagerada de cabelos pode ter inúmeras causas (genética, hormonal, nutricional, infecciosa, pós-parto, pós-cirúrgica, emocional) e atinge cada vez mais homens e mulheres.
.
É uma queixa frequente no consultório e incomoda muito os pacientes.

.
O primeiro passo é ser examinado por um dermatologista. O exame do cabelo aumenta a precisão diagnóstica para que possa ser indicado um tratamento específico.
.
Quando falamos de calvície e queda de cabelos, um diagnóstico precoce é essencial!
.
A eficácia do tratamento maior quando realizado num estágio inicial, pois é mais fácil estabilizar a perda ou retardar sua progressão que recuperar o cabelo perdido.
.
A boa notícia é que hoje há inúmeras opções de tratamento. O uso de medicações tópicas e orais são os pilares da terapia.

.
Conheça nossos tratamentos a seguir:

Laser Fracionado Não Ablativo

Tratamento coadjuvante para as alopecias e queda de cabelo.

O laser é aplicado diretamente no couro cabeludo formando microperfurações que estimulam o crescimento do fio. Além disso, através destes pequenos orifícios, determinadas substâncias, com propriedades benéficas ao cabelo, podem ser utilizadas, com otimização dos seus efeitos.

O maior benefício é a redução da queda de cabelos.
Cerca de 70% dos pacientes podem ter um aumento da espessura e do número de fios, com melhora do volume global no couro cabeludo.

O número e o intervalo entre as sessões variam de acordo com o exame clínico de cada paciente.

Mesoterapia capilar

Também conhecida como intradermoterapia, é um procedimento que consiste na aplicação de medicamentos diretamente no couro cabeludo, através de injeções com agulhas bem finas. O objetivo é aumentar a concentração destas substâncias na região de estimulo de crescimento dos fios.
Boa opção para pacientes que não aderem aos tratamentos convencionais, e também para aqueles que possuem contraindicação a terapia sistêmica. Mas a melhor indicação é potencializar os resultados do tratamento clinico.
O número de aplicações é muito variável, mas em média 10 sessões, com intervalos máximos de 2 semanas.
A sessão é rápida e o paciente pode retornar imediatamente ao seu trabalho e ao seu cotidiano.

Terapia regenerativa - PRP

Procedimento que usa os recursos do próprio organismo para melhorar e modular doenças variadas. A técnica é promissora, mas requer padronização em todas as suas etapas.

O plasma rico em plaquetas (PRP) é aplicado diretamente através de injeções. Todo procedimento dura cerca de 20 a 40 minutos, promovendo o aumento da densidade capilar em áreas de alopecia.

São necessárias, em média, três sessões (uma por mês) e os resultados começam a aparecer 15 dias após a primeira aplicação. A manutenção varia de acordo com o grau de alopecia.

Na esteira dos novos tratamentos e técnicas que surgem com foco no combate à calvície, o PRP (plasma rico em plaquetas), sem previsão de autorização oficial de uso no Brasil, poderá compor, no futuro, o leque de soluções dermatológicas para a calvície. Por enquanto, de acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA, o uso do PRP encontra-se em fase de pesquisa, não podendo ser oferecido legalmente aos pacientes.

Microagulhamento do couro cabeludo

O microagulhamento no couro cabeludo consiste em perfuração percutânea com microagulhas específicas (assim como na face ou no corpo). A quebra da barreira cutânea do couro cabeludo promove a liberação de fatores de crescimento que estimulam o aparecimento de novos fios de cabelo.
Quando há indicação, associamos agentes tópicos (drug delivery) durante o microagulhamento do couro cabeludo. Pela perfuração percutânea ocorre um grande aumento da absorção da medicação e assim otimização de seus efeitos.
O protocolo são de 3 sessões mensais. O resultado aparece já após a primeira sessão.
Esse procedimento não tem downtime (tempo de recuperação).

LED capilar

Indicado para qualquer tipo de queda de cabelo independente da causa.
É uma terapia coadjuvante.
A ação da luz fortalece os fios existentes e estimula o surgimento de novos, além de favorecer a microcirculação local responsável pelo fornecimento de nutrientes para o desenvolvimento do fio. Este mecanismo é chamado fotobioestimulação.

WhatsApp chat